RSS Feed

domingo, 27 de junho de 2010

Teste das Cores

http://www.bne.com.br/cores/default.asp


Amanda Cruz

Como você opera, age, frente aos seus objetivos e desejos:
Anseia por compreensão sensível e indulgente e quer proteger-se contra discussões, conflito ou quaisquer tensões angustiantes.

Ocupa-se fácil e rapidamente com qualquer coisa estimulante. Preocupado com coisas de natureza intensamente emocionantes, sejam elas estimuladas por erotismo ou por outro meio. Quer ser considerado como sua personalidade emocionante e interessante, com influência totalmente encantadora e impressionante. Usa táticas inteligentemente para não prejudicar suas possibilidades de sucesso ou solapar a confiança adquirida.

Suas preferências reais:
Está sob considerável tensão devido as exigências da situação presente. Está tentando livrar-se das coisas que o restringem ou tolhem.

Trabalha bem em cooperação com outros, mas é avesso a assumir o papel principal. Precisa de uma vida pessoal de compreensão mútua, e de estar livre de discórdia.

Sua situação real:
É muito meticuloso nos padrões que aplica a escolha do cônjuge, e procura uma perfeição muito irrealista na vida sexual.

Insiste em que suas metas são realistas e apega-se obstinadamente a elas, muito embora as circunstâncias o estejam obrigando a transigir. É muito meticuloso nos padrões que aplica a escolha do cônjuge.

O que você quer evitar:
Interpretação fisiológica: Insatisfação emocional e capacidade reduzida de enfrentar oposição ou dificuldades estão provocando tensão e frustração. Interpretação psicológica: Perdeu a elasticidade e a força de vontade necessárias para enfrentar as dificuldades atuais, que lhe aparecem como oposição proposital. Mantém sua posição, mas é sujeito a pressão intolerável. Necessita de cooperação e de realização emocional, sentindo que, na ausência delas, não há nada que ele possa fazer para melhorar a situação atual. Quer "fugir de tudo" logo. Em suma: Pressão resultante de tensão e distúrbio.

Interpretação fisiológica: Tensão resultante de contenção excessiva, na tentativa de conquistar a consideração e a estima dos outros Interpretação psicológica: Tem uma necessidade insatisfeita de aliar-se a outros cujos padrões sejam tão elevados quanto os seus e de sobressair acima do comum. Isto o sujeita a considerável tensão, mas se além às suas atitudes a despeito da falta de aprovação. Considera a situação bem desagradável e gostaria de livrar-se dela, mas recusa-se a transigir em suas opiniões. É incapaz de resolver a situação porque adia continuamente a tomada de decisão necessária, já que duvida da sua capacidade de resistir à oposição resultante. Precisa da estima dos outros, concordância com seus desejos e respeito pelas suas opiniões para se sentir à vontade e seguro. Em suma: Exigência obstinada mas ineficaz de estima.

Seu problema real:
A ansiedade e a insatisfação contínua, seja em seus empreendimentos ou nas frustrações emocionais, têm provocado considerável tensão. Tenta livrar-se delas refugiando-se numa atmosfera idealizada de simpatia e compreensão, ou num outro ambiente onde haja harmonia e beleza.

As tensões provocadas pela tentativa de enfrentar condições que realmente estão além de sua capacidade ou reservas de energia têm de sua capacidade ou reservas de energia têm levado a considerável ansiedade e a uma sensação de inadequação pessoal inconfessada. Tenta fugir dessa situação para outro mundo onde as coisas estejam mais a seu gosto.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

4 Meses

Mais um mês, cada dia mais perto de você, mais próxima das noites não tão só, das nossas risadas juntas, das suas estórias engraçadas, dos nossos carinhos, das surpresas e da alegria do dia-a-dia ao seu lado. 
Que Deus permita que tenhamos mais e mais meses, anos e décadas juntas.
Te amo mtão!!


"[...] De repente. De repente. Você me conta que não tem dó de matar besouros, esses malditos que voam na nossa cara sem nenhum medo de morrer. Os idiotas que têm medo de morrer mas esbarram na nossa testa e só por isso dão mais raiva que barata. Você coça muito forte os olhos, quase arranca, eu sei que dói mas pra mim também. E diz que tem preguiça, do Diadorim. E diz que tem medo, do longe de coisas como essa nossa. E eu penso, que no fundo, nem tão fundo, tenho também, demais.
E lá vou eu, a cada cinco minutos, namorar os flashes que você espalhou pela minha casa. Ainda que tudo não dê nem meia foto nossa, mal tirada. Se até o Natal você ainda gostar de mim eu prometo gostar de você também. "

As promessas

"
Mesmo quando não posso entender
Minhas lágrimas me impedem de te ver
Teus caminhos são mais altos que os meus
Teus mistérios mais profundos do que eu
Te adoro, Senhor
Calo meu coração e me prostro
Te adoro, Senhor
No dia mau quero proclamar
(REFRÃO)
Confio em Teu amor que não mudará
Nem mesmo a morte pode me separar
Do Teu cuidado e proteção
Mesmo quando não te vejo
Sei que a Tua mão me sustenta
Não temerei más notícias
Mesmo no vale da sombra da morte
Comigo Tu estás
(Meu socorro bem presente na angústia)
 "
Diante do Trono -  Confio em teu amor

Agora a pouco estava pensando nas promessas que me fiz e faço, que quase nunca consigo cumprir por forçar maior que a minha, eu me prometi tantas coisas nesse ano, estamos no meio do ano e já me peguei violando muitas delas, as promessas que nunca consigo cumprir porque as circuntâncias são maiores que eu, e agora em meio a tantas lágrimas me refaço as mesmas promessas, e peço a Deus que consiga ser tão forte quanto as circunstâncias.
Eu sei que essa dorzinha aqui dentro vai passar, sei que Deus me dará a paz que eu preciso pra não sentir tanto, não é primeira e não será a última, mas sempre será uma Amanda diferente, com mais armaduras que anterior, não ouso mais tirar a armadura, pra que se ficar vunerável, não é mesmo?? Se você pode se proteger!

Mais uma vez eu me prometo!

Amém!

terça-feira, 22 de junho de 2010

...

"
Você é um avião e eu sou um edifício
Eu sou um abrigo e você é um missil
Eu sou a mata e você é a moto-serra
Eu sou um terremoto e você a Terra.
O nosso jogo é perigoso, menina
Nós somos fogo
Nós somos fogo
Nós somos fogo e gasolina.
Você é o fósforo e eu sou o pavio
Você é um torpedo e eu sou um navio
Você é o trem e eu sou o trilho
Eu sou o dedo e você é o meu gatilho.
O nosso jogo é perigoso, menina
Nós somos fogo
Nós somos fogo
Nós somos fogo e gasolina
Nós somos fogo
Nós somos fogo
Nós somos fogo e gás.
Eu sou a veia e você é a agulha
Eu sou o gás e você é a fagulha
Eu sou o fogo e você é a gasolina
Eu sou a pólvora e você a mina.
O nosso jogo perigoso combina
Nós somos fogo
Nós somos fogo
Nós somos fogo e gasolina."

segunda-feira, 21 de junho de 2010

?

[..]Quando eu olhar pro lado
Eu quero estar cercado
Só de quem me interessa.[...]
Lenine

Meu Jardim

"
Tô relendo minha lida, minha alma, meus amores                              
Tô revendo minha vida, minha luta, meus valores                               
Refazendo minhas forças, minhas fontes, meus favores       
Tô regando minhas folhas, minhas faces, minhas flores
Tô limpando minha casa, minha cama, meu quartinho                                 
Tô soprando minha brasa, minha brisa, meu anjinho
Tô bebendo minhas culpas, meu veneno, meu vinho       
Escrevendo minhas cartas, meu começo, meu caminho                              
Estou podando meu jardim
Estou cuidando bem de mim.
"
Vander Lee - Meu Jardim

domingo, 20 de junho de 2010

Particularidade...



Ouvindo:http://www.youtube.com/watch?v=2Kca2a7mZTo
               http://www.youtube.com/watch?v=VzmI4j2MHiY

"Eu sentia tudo e com muita particularidade desde que começou a sentir alguma coisa.[...] Eu e o resto do mundo, são seres solitários que se atacam. Cada um pra defender o seu ser de tantos mil anos. Um sem saber o que fazer com o amargo que desce da boca pro cu. O outro sem saber o que fazer com o amargo que sobe do cu pra boca. Um com medo do que pode calar tantas certezas conquistadas na ignorância, o outro com medo da voz trêmula que poderia ter a sua inteligência se não estivesse pautada em algo. Eu não sabe o que sente, mas diz mesmo assim. O resto do mundo tem certeza do que sente, mas quando diz, fala pelo resto do mundo. Eu entende só de si, o que já é uma humanidade inteira. O resto do mundo entende de todo o resto, o que faz eu parecer uma criança de cinco anos se debatendo pra entender tanta vontade de chorar ou de ser feliz. [...] "

sábado, 19 de junho de 2010

Força de Vontade


"[...]Eu sorria. Simpática. Sem me interessar …aquele papo todo da aula. E por dentro. Ah, por dentro. Era uma mistura de bile com fel com lubrificantes com nojo com lágrimas.[...]" 
"[...] Eu nem choro porque é daquelas tristezas que o choro sai em berros e eu ainda estou na casa da minha mãe, não posso berrar assim, do nada. E nem resolveria. Nada resolve. Triste. Só isso.[...]"

Diferente

Ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=ZGoWtY_h4xo

sexta-feira, 18 de junho de 2010

...


  Ounvindo: http://www.youtube.com/watch?v=ya9tJPHK5yg (já sei, não combina com a postagem, mas eu estou ouvindo.)
"[...]
Me empresta sua altura para eu subir. Me empresta seu silêncio para eu morrer. Me empresta sua volta para eu viver. Me empresta sua boca para eu me beijar. Me empresta seu pinto para eu me comer. Me empresta sua gana para eu gritar.
Me empresta seu sorriso para eu achar graça na vida. A sua língua para eu me engolir. A sua preguiça para eu cansar um pouco de mim, também preciso disso. E o quente das suas costas para eu dormir comigo. E o seu desejo para eu sentir que piso nesse mundo. Esteja aqui para que eu esteja. Por favor. Só isso. Tenha fome para que eu sobreviva. Pense em mim para que eu exista. Me leia para que eu seja. 
[...]"

To no meio da rua...

Ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=1l-aTBLlS7E

"[...]
eu quero
quero muito
quero agora
sem demora
o meu desejo
ninguém vai roubar

To no meio da rua
to querendo viver
to querendo essa lua
to querendo você
[...]"

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Estranho

Não seja tão estranho, que eu estranhe, estranhar você!! ( By Me)

Ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=cSQF7wmLJDw

"A estranha agora deu de não comer. Sou eu que perco peso, bunda, peito e buchecha. A estranha dá de chorar de bobeira e eu pago o mico. A estranha se descontrola: ora fala demais sem nenhum argumento, ora emudece um turbilhão de idéias.
Quero acordar cedo, quero praticar um exercício, quero tomar café sem pressa. A estranha só quer saber de sonhar, dorme até tarde. Dorme pesado de peso de amar. Amar dá sono porque gasta os sentidos.
A estranha quer me atrapalhar, não quer que eu escreva esse texto e eu acabo escrevendo tudo truncado e bobo. Ela só quer que eu sinta, que eu pense, que eu respire, que eu disque aqueles números mais uma vez, mais uma vez, mais uma vez.
Ei safada, saia de dentro de mim, preciso trabalhar, preciso respirar, preciso comer, preciso levar minha vida. Minha vida, entendeu?
Quem te colocou aí, vagabunda? Quem disse que você manda em mim?
A estranha é tão forte, tão grande, tão cheia de bocas, dentes, buracos quentes. A estranha vive para devorá-lo.
Eu sou fraca e tenho a nítida e desesperadora sensação de ser mera platéia de missa: estou de joelhos.
Que graça foi ver nesse homem, estranha filha da puta? Meu corpo te rejeita tanto que é quase um câncer sentir tudo isso. Meu corpo já se alimenta de você, digerindo aos poucos essa loucura para desmistificá-la.
O mais estranho da estranha é essa felicidade plena em que vivo. Esse estado de graça. A estranha encheu meu estômago de borboletas coloridas. Encheu de suspiros a minha alma. Me encheu de rendição.
É uma dessas alegrias de dar pulinhos e de murmurar alegria no semblante mais sério. É uma dessas alegrias tão abençoadas por Deus que Ele é quase cúmplice de esporádicas baixarias e mentiras.
É uma dessas alegrias desconfortáveis mas que tem cara de cama quente e travesseiro fofo.
Estranha, pra que tanto se depois acaba, mais uma vez, como tudo?
Ela nem me liga, ela dança linda e vermelha no meu tórax. Eu perco o ar, esbugalho os olhos.
Ela nem me liga, formigando cada parte do meu corpo, transformando meu desenho em pontilhado. Depois me instiga a chamá-lo para que forme minha imagem, me faça existir.
Não sou uma massa desfigurada, vaca estranha! Sou uma mulher inteira, charmosa, inteligente, sarcástica, irônica e segura. Eu arraso corações! Não preciso de ninguém! Saia daqui!
Ela apenas me sorri irônica e por piedade aquieta-se alguns segundos. Depois, eu mesma não agüento e a procuro: estranha por estranha, negar uma paixão é muito mais louco do que aceitá-la dentro da gente.  "

Tati Bernardi

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Passando o passado....

Ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=YfJrwLJJp3A

O que será que houve no passado, a 1h atrás?? 
O que está no passado, já passou, diz a Bíblia que:" tudo se fez novo", então que seja, eu apenas quero passar o passado, e não julgar, nem condenar o que passou, apenas deixa-lo por lá, no passado passado...rs
Passado, passado mesmo, porque o que passou já não é mais o que é, ainda está sendo ou virá a ser, então que venha o agora, o novo, o futuro e avante.
Acreditar no novo é sempre válido.
Acreditar que podemos ser melhores, claro, fato*!
Não me julgue pelo que fui, nem pelos erros de antes, pois todos tornaram-se pontes pra que eu chegasse a você ( misturei a música de propósito), para que eu pudesse fazer diferente, consertar o que não houve conserto.
Deixa passar o meu passado, deixa ficar no esquecimento, erros foram feitos pra aprender a acertar.
Que seja um livro nosso novo, onde só se deve haver o presente e o futuro, as certezas e conquistas, planos e triunfos, deixo mundo virar mundo e sermos mais o rumo que se tome.
Deixa eu ser uma folha nova, perfumada, colorida, pronta para ser escrita por você, como aqueles papeis de cartas da infância.
Faz de mim o seu presente/futuro, não sou e nem quero fazer parte do seu passado, que dele  apague o que se passou, serei seu livro novo, seu caderno zerado de anotação, serei um diário acabado de ser presenteado para que se possa sufla-lo de novas estórias.
E que se passe o passado, assim como ontem também já passou!!

By Amanda



Sonhos

Nossa depois de tanto tempo escrevendo algo meu...(coisa boa)!!
Hoje estava conversando sobre sonhar, sobre ser ou não pé no chão, sobre as reações que certos comportamentos causam na gente.
Sonhar é o equilibrio da vida, é quando a gente pode deixar tudo pra lá e viver, viver intensamente, o que são os sonhos além de motores de partida???
Sonhos nos impulsionam, nos mandam comandos pra chegarmos a frente quando nem ousamos dar o primeiro passo...
Eu sonho mesmo, porque sonhar me faz buscar o impossível, o improvável, o necessário.
Que muitos sonhos nasçam a cada dia em minha vida, que eu possa tê-los pra dividir com alguém que amo tanto, e que deles façam uma morada sem limites.
Venham sonhos...
Venha meu amor...
Sonho único nesse instante!!

By Amanda

terça-feira, 15 de junho de 2010

Só pra pensar um tiquinho...



"Dizem que materializar os sonhos escrevendo ajuda, então lá vai: quero transar com beijo na boca profundo, olhos nos olhos, eu te amo e muita sacanagem, quero cineminha com encosto de ombro cheiroso, casar de branco, ser carregada no colo, filhos, casinha no campo com cerquinha branca, cachorro e caseiro bacana. Quero ouvir Chet Baker numa noite chuvosa e ter de um lado um livrinho na cabeceira da cama e do outro o homem que amo.
Quero sambão com churrasco e as famílias reunidas. Quero ter certeza, ali no fundo da alma dele, de que ele me ama. Quero que ele saia correndo quando meu peito amargurado precisar de riso. Que ele esqueça, de vez em quando, seu lado egoísta, e lembre do meu. Que a gente brigue de ciúmes, porque ciúmes faz parte da paixão, e que faça as pazes rapidamente, porque paz faz parte do amor. 
Quero ser lembrada em horários malucos, todos os horários, pra sempre. Quero ser criança, mulher, homem, et, megera, maluca e, ainda assim, olhada com total reconhecimento de território. Quero sexo na escada e alguns hematomas e depois descanso numa cama nossa e pura. Quero foto brega na sala, com duas crianças enfeitando nossa moldura. Quero o sobrenome dele, o suor dele, a alma dele, o dinheiro dele (brincadeira...). Que ele me ame como a minha mãe, que seja mais forte que o meu pai, que seja a família que escolhi pra sempre. Quero que ele passe a mão na minha cabeça quando eu for sincera em minhas desculpas e que ele me ignore quando eu tentar enrolá-lo em minhas maldades. Quero que ele me torne uma pessoa melhor, que faça sexo como ninguém, que invente novas posições, que me faça comer peixe apimentado sem medo, respeite meus enjôos de sensibilidade, minhas esquisitices depressivas e morra de rir com meu senso de humor arrogante. Que seja lindo de uma beleza que me encha de tesão e que tenha um beijo que não desgaste com a rotina. Que a sua remela seja sequinha e não gosmenta e que o tempo leve um pouco de seu cabelo (adoro carecas...). Que suas escatologias não passem de piada e se materializem bem longe de mim. Tem que gostar de crianças, de cachorrinhos, da minha mãe, e tem que odiar ver pessoas procurando comida no lixo. Tem que dançar charmoso, ser irônico, ser calmo porém macho (ou seja, não explodir por nada mas também não calar por tudo). Tem que ser meio artista, mas também ter que saber cuidar dos meus problemas burocráticos. Tem que amar tudo o que eu escrevo e me olhar com aquela cara de "essa mulher é única".
É mais ou menos isso. Achou muito? Claro que não precisa ser exatamente assim, tintim por tintim. Exigir demais pode fazer eu acabar sozinha em mais shows do Roberto Carlos. Deus me livre! Bom, analisando aqui, dá pra tirar umas coisinhas. Deixa eu ver... Resumindo então: tem que dizer que me ama e me amar mesmo, tem que rolar umas sacanagens e não pode ter remela
gosmenta. Pronto!
E quando eu tiver tudo isso e uma menina boba e invejosa me olhar e pensar que "aquela instituição feliz não passa de uma união solitária de aparências" vou ter pena desse coração solitário que ainda não encontrou o verdadeiro amor."

-> Não seguindo toda essa sequência de vontades, mas o desejo é o mesmo, com algumas mudanças na estória.  by Amanda

Cinismo


"...E o único jeito de ser mais malandro que a tristeza é sendo cínico. E lá vai a garota. Comprar pão quente com seu cinismo. Comprar absorvente com seu cinismo. Amar com seu cinismo. Porque só o cinismo vence a tristeza. Porque só o cinismo é mais triste do que a tristeza. E eu virei um muro alto feito de pedras cheias de pontas. Tudo isso só porque eu quero tanto um pouco de carinho que acabei ficando com medo de não ganhar."

Será que eu sei?



"...quando você está com medo da vida, é na minha mania de rir de tudo que você encontra forças. E,quando você está rindo de tudo, é na minha neurose que encontra um pouco de chão.
E, quando precisa se sentir especial e amado, é pra mim que você liga. E, quando está longe de casa gosta de ouvir minha voz pra se sentir perto de você. E, quando pensa em alguém em algum momento de solidão, seja para chorar ou para ter algum pensamento mais safado, é em mim que você pensa. Eu sei de tudo.[...]

Eu e ela



Ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=0hLMNOloTBY

Gotas de amor, girassol
Mares de sal, beijo floral
Pra falar nesse tempo, qual?
Do ventre exposto ao sol
Das flores postas no postal
Quantas caras nesse jornal
Foi quando a sede chamou
Pra acordar nosso amor
Fiz um tema na mão dela
Já fez calor, temporal
Você sem mim, tudo tão igual
Tudo bem, mas estou bem mal
Na TV não tem canal
Seu brilho tão sem meu cristal
Só tem música em meu dial
Mas o poema acenou
Pra acordar nosso amor
Quando a noite me revela
Sou eu e ela, eu e ela, eu e ela (2x)
Já fez calor, temporal
Você sem mim, tudo tão igual
Tudo bem, vou ficar legal
Se a TV não tem canal
Seu brilho não tem meu cristal
Só tem música em meu dial
Mas o poema acenou
Pra inventar um outro amor
Quando a noite me revela
Sou eu e ela, eu e ela, eu e ela (3x)
Gotas de amor, girassol
Mares de sal, beijo floral
Eu e ela, eu e ela, eu e ela
Quando a noite me revela

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Será que entende?

Ouvindo:  http://www.youtube.com/watch?v=LFFt38lNy8U

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato...
Ou toca, ou não toca..."

exorkismós, "ato de fazer jurar"

Coisa mais estranha, sonhei com exorcismo hoje, pq será em ???
"O termo exorcismo (do grego exorkismós, "ato de fazer jurar", pelo latim exorcismu) designa o ritual executado por uma pessoa devidamente autorizada para expulsar espíritos malignos (ou demónios) de outra pessoa que se encontre num estado considerado de possessão demoníaca."


Vai sabe, neam???
 

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Está chegando a horaaaaaaaaaaaaa...

 

 

Over The Rainbow

Somewhere over the rainbow,
Way up high
There's a land that I heard of once,
In a lullaby.
Somewhere over the rainbow,
Skies are blue.
And the dreams that you dare to dream
Really do come true.
Someday I'll wish upon a star
And wake up where the clouds are far behind me...
Where troubles melt like lemon drops,
Way above the chimney tops,
That's where you'll find me...
Somewhere...
Over the rainbow
Bluebirds fly,
Birds fly over the rainbow
Why then oh why can't I?
If all those little bluebirds fly
Beyond the rainbow...
Why .. oh .. why .. can't I?

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Uma nova caminhada....

"O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo... "